Como é feita a ecografia mamária?

Arquivo em: Ecografia — Clínica da Mama @ 12:38 pm novembro 6, 2017

A ecografia mamária é um exame que reproduz imagens da mama sem uso de radiação e de maneira não invasiva. A paciente é colocada deitada em uma maca próxima ao médico e ao equipamento, e um gel é aplicado sob o local a ser analisado, facilitando os movimentos do transdutor, uma parte do equipamento que entra em contato direto com a pele.

O transdutor emite ecos inaudíveis que são transmitidos em forma de imagem para um computador (baseado na modificação na frequência da onda ultrassonora emitida pelo aparelho). Geralmente o procedimento é rápido, variando de 10 a 30 minutos de duração e é indolor.

Ele é ótimo para o estudo do tecido mamário e em geral é solicitado como complemento de outros exames, em especial da mamografia, principalmente em mulheres com mamas mais densas.

É capaz de detectar pequenas lesões, até mesmo cancros, que outros exames não conseguiram observar. Também consegue esclarecer algumas alterações observadas na mamografia e sempre é realizado por um médico especializado, denominado ecografista ou sonografista, que analisa as imagens e envia ao paciente.

É necessário algum preparo antes do exame?

Não é necessário nenhum preparo especial, apenas se o médico solicitar algo específico. É importante levar outros exames da mama já realizados, como a mamografia. Não há contraindicações, efeitos colaterais ou riscos e a paciente pode voltar às suas atividades sem quaisquer preocupações.

Consultar o ginecologista ao menos uma vez ao ano e realizar os exames de rotina, como a mamografia, podem evitar que o câncer de mama se desenvolva. Se isto ocorrer, os exames podem auxiliar na descoberta precoce da doença, aumentando as chances de cura, seja através da quimioterapia ou em alguns casos até de cirurgia.

No Brasil, boa parte das mulheres descobrem essa doença em um estado avançado, muitas vezes pela própria falta de acompanhamento médico, pois alguns desses exames podem ser incômodos. Mas nesse momento, já no estágio avançado, as chances de cura caem drasticamente, para cerca de 50% ou menos e há a possibilidade de metástase, quando o tumor se espalha para outras partes do corpo, como fígado, pulmão e ossos, deixando a paciente debilitada.

Portanto, não se esqueça do autoexame da mama aliado à mamografia e à ecografia mamária, exames que são capazes de dar à paciente um diagnóstico precoce e  mais qualidade de vida e saúde.



MARQUE SUA CONSULTA / EXAME
 

(61) 3213 6625


Para Agendar Consultas, Exames e Procedimentos.

FALE CONOSCO


Quem Somos . Serviços . Nossos Médicos . Convênios . Contato . Notícias

Responsavel tecnico: Dr. Joao Bosco Batista de Lucena (CRM.DF 6652)
CLÍNICA DA MAMA | Unidade Asa Sul • Centro Clínico Sul 716| Unidade Asa Norte, W3 516 • Ed. Carlton Center | Unidade Taguatinga • Edifício Pátio Capital | Call Center (61) 3213 6625